Home » Futebol » Campeonatos » Brasileirão » Grêmio perde pro juiz, SPFC ganha do Grêmio

Grêmio perde pro juiz, SPFC ganha do Grêmio

Grêmio e São Paulo não se dão tão bem na obrigação de atacar.  Na de contra-atacar, porém, se destacam. Um pelo poder de fogo, o outro pelo poder de não levar gols.

Hoje, numa Arena que viu um escândalo de arbitragem que não consegui ver a olho nu, o São Paulo teve o detalhe a seu favor.  Poderia ser diferente caso o bandeira não tivesse cometido o erro bizarro no impedimento do Barcos? Poderia.  Mas este foi o único grande erro que vi no jogo. Os demais, faltinhas, lances sem tanta relevância.

O pênalti aconteceu. E através dele o SPFC conseguiu fazer um gol que naquele momento sequer merecia. Mas Rogério merecia.

Pelas defesas que fez, sua tarde “cenística” merecia uma cereja no bolo. E o gol serviu pra isso.

A partir do momento que o Grêmio elegeu o árbitro como adversário, o São Paulo não teve mais tanto problema.  Era uma tentativa desesperada de achar um roubo ou cavar um pênalti contra uma defesa postada com 11 caras pra evitar o gol de empate.

O lance de Zé Roberto no final é emblemático.

Não que eu ache que o torcedor não deva se importar com os erros do arbitro. Mas durante o jogo, se for dado o recado que a culpa é dele, jogadores tendem a perder o foco no gol e buscar mais cenas que os vitimizam.

Ganhou o São Paulo. Talvez com alguma sorte, mas hoje não no apito.

abs,
RicaPerrone

Comentários