Home » Futebol » Clubes » São Paulo » Frígidos!

Frígidos!

O conceito adotado pelo SPFC de Muricy para ser o grande time dos pontos corridos passa também pela dificuldade que o time encontra em torneios mata-mata.

Quando planeja um time campeão e regular, Muricy busca um equilibrio de uma equipe fria que entra e sai de todas as partidas igual. Para eles todos os jogos são igualmente importantes e por isso são fortes no campeonato de “regularidade”.

Mas títulos grandiosos são conquistados por brilhantismo, não por regularidade. Num mata-mata ou você entra pra matar, ou entra pra assistir. Os times do Muricy tem por característica essa “frigidez” que acaba fazendo com que o adversário atropele o São Paulo na base da  vontade.

Qual a dificuldade em meter a bola no chão e jogar contra os colombianos? A correria deles. Essa era a dificuldade.

Dizem que só a vontade supera o talento. Que quando se une os dois não tem como dar errado.

O São Paulo tem muito talento. Falta entrar em campo com fome e não pra fazer o mínimo necessário.

Quarta-feira que vem o mínimo não classifica. E contra Boca ou River, numa final, nem mesmo uma “vontade extra” resolve. Tem que entrar pra suar sangue. E esse time sai com a roupa muito branquinha de campo.

abs,
RicaPerrone

Comentários