Home » Futebol » Clubes » Corinthians » “Eles já sabiam?”

“Eles já sabiam?”

Há 10 dias escrevi isso aqui, lembra?  Na noite em que todos cravavam  cheios de certeza de uma armação sobre o “culpado”, eu tive vontade de perguntar a cada pessoa de microfone nas mãos o que lhe dava tanta certeza para insinuar uma fraude aos seus leitores/ouvintes/telespectadores?

A resposta seria óbvia. “Só você acredita que…”.

Porque somos como no texto que linkei acima, onde diga-se, nos comentários algumas pessoas até debochavam da minha reação em não acusar como fraude o garoto da organizada que se entregou.

E veja você, que ironia, foi ele mesmo.

Exatamente o que disse no texto se fez verdade e deixou centenas de milhares com cara de idiota, outros tantos que deveriam ser proibidos de “ter certeza” quando se trata de algo grave e formam opinião, idem.

Sozinho? Não sei. Mas continuo achando que foi acidental, que de fato foi o garoto, e que não foi com intenção violenta.

Mas eu só “acho”, ta? Prometo.

E otário como sou, acreditando que pode haver um erro no planeta e que nem tudo é um complô pra esconder sacanagem, sei que causo sorrisos ironicos nos incrédulos “malandros” que “já sabiam” da verdade antes dela ser verdade.

“É claro que foi de propósito!”, dizem agora os que acharam óbvio não ter sido o garoto, mas sim um dos 12 condenados por usar uma camisa e que não podem ser defendidos pela opinião publica pré determinada.

Os 12 não podem estar presos na Bolívia. E o Brasil só não está se mexendo pra corrigir isso como deveria porque a imprensa, o verdadeiro primeiro poder do mundo, determinou que são os culpados.

Lá estão por terem polvora nas mãos, como outros 30 mil que estiveram soltando fogos naquele estádio onde era permitido.

Queriam o culpado, lá está. E agora com laudos para tirar a paranóia da cabeça dos “malandros”.

Cadê a campanha de tom irônico pra tirar os caras de lá? Ser de organizada não quer dizer que se tenha cometido um crime. Neste caso, portanto, estão presos pra dar resposta pra sociedade há semanas, e não deveriam estar.

Alguém vai ter coragem de fazer 10% da campanha que fizeram pra tentar desmoralizar a entrega do culpado pra tentar ponderar o que de fato é “justo” pra estes 12?

Entendeu o que eu disse naquele post agora?

Se não, a vida desenhou pra mim.

Os “malandros” estão em choque. Afinal, “eles já sabiam” que não era, e foi.

Mais cuidado com o microfone. Tem gente muito preocupada com os meus “puta que pariu” no texto e ainda cobrindo o cofrinho do Adriano, acusando treinador de levar por fora sem provar, insinuando fraude num homicidio e falando um belíssimo portugues.

abs,
RicaPerrone