Home » Futebol » Seleção » É isso

É isso

scolari

O que pode ser contestado de forma mais exaltada nessa lista do Felipão?  O fato dele ter chamado o melhor goleiro do mundo até 2 anos atrás, que ainda tem idade pra brilhar? O único cara que foi meter a cara pra bater após a eliminação pra Holanda, Julio César não deve estar na seleção só pelo que joga, mas também por ser o capitão ideal pro time.

Não conheço o Dante, por isso não farei critica alguma.

Gosto dos volantes serem todos de bom nível técnico, sem um brucutu.

Gosto de termos centroavantes na seleção. Gosto do Fred, tenho medo do Luis Fabiano num jogo de mata-mata, como são quase todos os que  a seleção encara pra valer.

Entendo as ausências de Kaká, Thiago Silva e Marcelo como provisórias.

Entendo Ronaldinho estar lá. Mesmo motivo de Julio César, com a diferença de não ter personalidade alguma. Mas em campo, como referência aos jovens, ajuda e dá segurança.

A geração de 2014 teria, em tese, Ronaldinho, Kaka, Adriano e Julio Cesar como referencias do grupo. Não é culpa de técnico algum o fato de um ter se perdido, outro se contundido, outro parado de jogar e um se escondido na Inglaterra.

É muito caro o preço de uma geração inteira ser queimada por falta de maturidade. Felipão convoca com inteligência, pois mesmo que contestado por um nome ou outro, está blindando os garotos da responsabilidade de serem protagonistas na mais difícil Copa que nossa seleção já jogou.

Com a mediocre e burra campanha velada da imprensa para que “ninguém torça mais pro Brasil”, mais complicado ainda. Mas brasileiro ama a seleção por natureza e basta uma boa sequência para que também sejamos convocados a ajudar no processo.

Gosto da lista. Adoro a idéia de ter jogadores mais velhos pra segurar a peteca e não queimar a molecada.

Nosso time, em tese, é páreo pra qualquer Espanha entrosada e em dia inspirado.

O pessimismo é um esporte nacional que graças ao futebol nem sempre é vitorioso.

Que assim seja, de novo.

abs,
RicaPerrone