Home » + Chamada » Decisões

Decisões

O campeonato de pontos corridos não tem decisão. Ele tem uma soma determinante de regularidade, sorte, momento em que se enfrenta os principais adversários e uma reta final que privilegia quem tem jogo pra ganhar de presente (entrega-entrega) e quem abriu ponto suficiente pra não precisar deles.

Neste domingo, o Brasileirão colocou a prova Corinthians e Atlético MG. Os dois jogariam partidas fora de casa contra adversários complicados de serem batidos em suas casas. E ao final do dia, duas goleadas. Uma pro Corinthians, uma contra o Galo.

Por mais que haja um erro ou outro de arbitragem pra cá ou pra lá, em momentos como esse se tornam incontestáveis algumas conquistas. Não, o Corinthians ainda não conquistou. Mas está perto.

É justo que conquiste. É o melhor time, é o mais equilibrado, o mais perto do “novo futebol” que buscamos, e também aquele que decidiu quando tinha que decidir.

O atleticano é um tanto complexado desde a Libertadores contra o Flamengo na década de 80. Toda vez que um time não mineiro ganha dele, o discurso de “favorecimento”, “eixo” e o escambau se repete. Se repente tanto que perde importância.

Senhores, sejamos tão práticos e coerentes quanto o Brasil todo foi em vossa Libertadores:  É merecido! Uma salva de palmas pra você e segue o jogo.

Hoje o Brasileirão perguntou quem estava pronto pra ser campeão. E o Corinthians levantou a mão sozinho.

abs,
RicaPerrone

Comentários