Home » Futebol » Clubes » Flamengo » Dançando com a irmã

Dançando com a irmã

E a nossa querida e tradicional Taça Guanabara é a mais nova vítima dos pontos corridos e dos dirigentes que fazem campeonatos no Brasil.  Insatisfeitos com a fórmula que dava ao estadual do RJ uma rara sensação de emoção ainda, resolveram acabar com tudo e transformar o que pouco empolgava num quase velório.

A frigidez do Maracanã neste domingo é imperdoável.

Um Flamengo campeão pra quase ninguém. Tendo que explicar que é título e que este, por sua vez, não te coloca mais na final. Ou seja, agora sim, pode dizer:  “A Taça Guanabara não vale nada”.

Conseguiram.

Independente disso, não havia uma final no Maracanã. Há algum tempo o Botafogo deixou claro que não quer jogar o estadual e chamou pra si enorme responsabilidade em fazer uma boa Libertadores.

O Flamengo, que faz boa Libertadores, também resolveu fazer um bom estadual.

De taça na mão, em paz com a torcida e as tabelas, finge que comemora o ex-título da Taça Guanabara.  Agora, um mero troféu de turno.

Culpa de quem organiza. Sem ter nada com isso, o Mengão caprichou no figurino e foi ao baile.

E na falta do quem conquistar, dançou com a própria irmã.

Não deixa de ser uma dança. E, também, um baile.

abs,
RicaPerrone

Comentários