Home » Futebol » Clubes » Fluminense » Conca: bom pra todos

Conca: bom pra todos

O Fluminense “ganhou” o Conca tendo que pagar a ele 250 mil por mes. A Unimed pagaria o restante, e o jogador, com 31 anos, não fazia planos de deixar o clube e o Rio de Janeiro.

Ao final de 1 ano, o Flu lhe devia cerca de 600 mil em direitos de imagem. A Unimed parava de pagar pra forçar a barra covardemente nos bastidores, e o jogador já negociava salário com outros clubes brasileiros, todos abaixo do que ganhava no Flu/Unimed.

O clube disse “não”. Avisou o jogador que não o venderia pra um rival e o lembrou que teria o poder de ficar lhe pagando 250 mil e mantê-lo até  final de seu contrato.

Fato, a decisão era do Fluminense. Nem Unimed, nem Conca podiam resolver o caso.

Até que uma proposta da China fez o jogador reconsiderar a idéia de continuar no Brasil, especificamente no Rio, onde tem negócios e acaba de comprar uma casa.  Só que agora falávamos em 2 milhões por mes, e Conca estava negociando 600 no máximo pra ficar aqui.

Mudou tudo.

O Fluminense teria direito a míseros 16% da venda. Os chineses ofereceram cerca de 10 milhões de reais.

Com o poder de decisão nas mãos, o Flu disse que aceitaria vendê-lo caso ele e a Unimed deixassem os 9 milhões limpos pro clube.  A Unimed topou, Conca não.

Ele quis os 50% dele e não aceitou abrir mão. Na negociação, com o jogador forçando pra sair do clube por óbvios e incríveis 20 milhões de dólares em 2 anos, conseguiram mais uma fatia. Mas não o total.

No final das contas o Fluminense levou 5 milhões de reais. Valor que se dissolvido no ano que pagou Conca, paga o jogador e ainda sobra 2.

Conca jogou no Flu em 2014 e deu ao clube um lucro de 2 milhões de reais. A Unimed não teve a grana de volta e apenas se livrou de continuar pagando o jogador.

E os chineses levaram um jogador de 31 anos gastando 9 milhões de reais e mais 20 milhões de dólares para ter Conca por 2 anos.

Dos negócios possíveis, o mais equilibrado. E pro Fluminense, um bom acordo. Não diria que o melhor deles, pois se o clube batesse o pé e pedisse os 100% da venda, Conca aceitaria. Ou perderia 20 milhões de dólares por causa de 4 milhões de reais?

abs,
RicaPerrone

Comentários