Home » Futebol » Com emoção

Com emoção

Parecia fácil, não foi. O Vasco escreveu mais um, e talvez o antepenúltimo, episódio da história a ser contada no Brasileirão 2011.  Mais uma vez conseguiu transformar um jogo comum numa grande partida.  Apertado, precisando vencer, jogava bem, criava com qualidade e não dava chutão.

Num golaço, pois assim merecia ser, fez 1×0 e enfim o sofrimento virou euforia.

O tal do trem-bala da Colina, pasmem, está “sem freio”.

Os corintianos concordarão comigo até o dia que isso se tornar um bobo asterisco colocado por rivais. Enquanto não for, dificilmente alguém discordará que o roteiro de campeão está em São Januário e não em outro lugar.

Mais uma partida marcante, com gigantesca participação da torcida, com gol de ídolo e futebol de algo nível apresentado.

Me impressiona exatamente isso.  É um candidato a título de pontos corridos não pragmático.

Um dos poucos, diga-se.

O tipo de campeonato privilegia a regularidade, não o brilhantismo. Logo, não a toa, o pragmático Corinthians atual chega mais forte do que o que brilhava outro dia.

Contra a lógica, aliás, contra quase todas as lógicas, lá está o  Vasco.

Aquele de tabela impossível há 4 jogos, o mesmo que dorme líder faltando 2 jogos.

Impossível não é a tabela, mas sim ignorar este Vasco.

Sem medo de errar, o time que mais merece o título brasileiro. Mesmo que outro, também merecedor, o conquiste.

Repito: A história registrará o Vasco 2011. Se o Brasileirão não, azar do Brasileirão.

abs,
RicaPerrone