Home » Futebol » Clubes » Inter » Cansativa esperança

Cansativa esperança

Dá pra pegar o mesmo texto e republicar. De 6 em 6 meses Adriano gera uma expectativa e tem os mesmos argumentos a favor e contra. Toda chegada a um clube recebe o mesmo discurso.

Não vou repetir. É cansativo.

Mas vão repetir. E você vai ouvir que Porto Alegre pode lhe fazer bem, que o Dunga pode segura-lo, que o Inter é maluco, que ele é caso perdido, que Adriano precisa de ajuda, que é mais uma tentativa frustrada, e até que ele pode ser em 1 ano “o cara” que a seleção procura.

E ai, Rica? Acredita em que?

Em nada disso.

Eu torço, é diferente.

Torço pra que tudo dê certo e tenhamos um centroavante absolutamente diferenciado na seleção em 1 ano. O Fred é um puta jogador, mas o Adriano a 80% é o melhor centroavante do mundo ainda.

Até por ter 31 anos, nenhuma mega contusão que antecipe seu final.

Adriano me causa uma sensação muito estranha e sem explicação de proteção. Eu olho pra ele como quem gostaria de ajudar, de poder revê-lo gigante e não podendo fazer nada.

Tenho um carinho especial por Adriano porque vi sua estréia, convivi no CT do SPFC com ele durante um período e sei que não é uma pessoa ruim, longe disso, muito longe.

Faria o negócio?

Faria. Claro que faria.

Entre a esperança de um Adriano e a certeza de um Wellington Paulista, eu não pensaria duas vezes,

O futebol moderno pede seriedade, profissionalismo e exclui qualquer possibilidade de arriscar num Adriano.

O futebol que eu gosto arrisca, erra, acerta, mas é feito por talento e acaso, mais do que por dirigentes e teorias mirabolantes de como fazer a bola entrar.

Adriano sabe como fazer.

E novamente cá estou torcendo por ele.  É quase pessoal.

Mas no fundo é também muito por achar que se o Brasil tiver um Adriano inteiro em campo em 2014, a Copa é outra.

Boa sorte, de novo.

abs,
RicaPerrone