Home » Futebol » Atitude

Atitude

Existe algo mais “bobo” no futebol do que técnico demitido de véspera?  No Morumbi ninguém discute: Ricardo Gomes não terá seu contrato renovado. E só não foi demitido ainda porque o SPFC não conseguiu outro nome.  Tentaram Dunga, tentaram outros nomes, nada deu certo.

Por isso, ele ficou. E mesmo estando lá, tanto ele quanto a diretoria sabem: Ele não continuará no comando do time.

Que diabos um profissional pré-demitido tem de motivação pra trabalhar? O que ganha um clube com um comandante sabendo que está fora?

Demitir agora é burrice? É. Não resolve nada. No entanto, é tão bobo quanto demitir ficar fritando pelos cantos e esperando a merda pra ter argumentos.

Tem diretor do SPFC ligando pra jornalista há 3 semanas bancando a demissão do sujeito. Isso é meia notícia, meia torcida. Os caras querem tanto que caia que ficam tentando publicar antes. E conseguem, claro. Afinal, que jornalista recusará uma informação de fonte tão confiável?

Hoje, de novo, começou o papo. Dizem que ele cairá. E são os mesmos que juraram em off semana passada que ele já tinha caido. Ou seja, pode ser, pode não ser…

O que incomoda é a situação de engana trouxa. Todo mundo sabe que ele está fora. Então, ou prestigiem de verdade, ou demitam.

Isso já virou novelinha. E do nível “malhação”, de tão previsivel e chata.

abs,
RicaPerrone