Home » Futebol » Clubes » Corinthians » Apáticos

Apáticos

Me lembro do São Paulo x Corinthians. Quando estavam perdendo o jogo levaram a partida pra outro patamar e conseguiram virar jogando bem.  Me lembro de outros raros momentos que deixam incontestável a capacidade técnica deste time do Corinthians em ser protagonista.

A fome, porém, não é a mesma.

É meio normal que do roupeiro ao centroavante haja um relaxamento após ganhar tudo. Mesmo que troquem os jogadores, o ambiente é de dever cumprido e por isso toda grande fase vem seguida de uma breve seca até que apareça um novo momento.

Esse time do Corinthians  tem todas as credenciais para jogar em alto nível o ano todo. Mas não tem o que provar.

Não tem aquele jogador que xinga meio time quando toma um gol. Que perde a cabeça com os companheiros mas que não perde calado.  Não tem aquele clima de guerra durante uma partida que normalmente coloca os dois times no seu limite.

É um time que apanha calado. Que vence calado. Um time “sem graça”.  Do treinador, que se perdeu na carreira desde a ida a seleção, até os jogadores. São todos muito “manos”.  A impressão que dá é que está sempre “tudo bem”.

E sim, está mesmo. O time está bem colocado na tabela, venceu os clássicos, tem chances de Libertadores. Tudo ok!

Mas “ok” não basta pra Corinthians. A pressão ali não é pelo resultado, mas pelo empenho. E é claro que esse time pode mais. Tanto pode que quando consegue levar o jogo pro “pessoal”, joga bem e ganha.  Mas normalmente entra frígido e sai empatando.

Não sei se um treinador ou um jogador possam dar ao time essa vontade de brilhar novamente. Talvez seja o ambiente, o clube, só estando lá pra saber. Mas é fato que o elenco do Timão precisa de uma dose de “Corinthians”.

E no Corinthians nunca está “tudo bem”.

abs,
RicaPerrone

Comentários