Home » + Chamada » Andando ou empurrados para trás?

Andando ou empurrados para trás?

DF - SENADO/BOLSONARO - POLÍTICA - O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) é visto no plenário do Senado, em Brasília (DF), nesta terça-feira. 11/02/2014 - Foto: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO

O facebook nos explica a eleição do Trump, o fenomeno Bolsonaro, a entrada facil do Doria, a ridicula votação do Freixo e a queda do PT.

Basta 10 minutos na rede social e você nota que quem destrói a esquerda é a “burrice” dela mesma. Eles se acham deuses, os intelectuais, os informados, os fodas. Quem não pensa como eles é ignorante, machista, etc.

Gera raiva. Porque entre o discurso e o que de fato o ser humano é ha um abismo chamado hipocrisia.

Trump e Bolsonaro não são salvadores de nada. Ninguém, nem quem votou neles, adora eles. São um tapa na cara de Jean Willys, Freixo, Psol, essa turma “meio maluca” que quer fazer de um sistema que JAMAIS funcionou a solução pro mundo e nos obrigar a acreditar nisso.

Essa turma delirante que acredita num livro de Harry Potter e acha que o mundo vai sentar em circulo e conversar pra ser melhor; que procuram medidas fofas pra sociedade sem entender que quem manda é dinheiro e ou encontra-se uma solução através dele pra diminuir a desigualdade, ou vao passar a vida pagando mico e de intelectual derrotado no facebook.

Vocês sao o cancer de voces mesmos.

A possibilidade de considerar votar num candidato de vocês morre com o radicalismo, o ar superior intelectual e a raiva que vocês geram das suas idéias e dos seus salvadores da pátria.

Continuem! A tal “direita” nunca vai ganhar nada. Mas vocês perdem como ninguém. Bolsonaro vem ai. E não porque é solução. Mas porque é CONTRA voces.

Não há um mundo de “direita” contra os seres evoluidos. Há uma vontade de mandar vocês pararem de encher o saco. E isso está sendo feito (errado ou não) votando em quem vocês não suportam.

Tem uma lição nessa história toda. Podemos perceber o que isso quer dizer e tentar melhorar, ou ignorar e continuar cuspindo um de cada lado achando que vamos encontrar algo bom pra todos…

Não se trata de política. Trata-se da forma de “reeducar” o mundo. Uns acham que invadindo e quebrando resolve, outros que evoluindo e explicando.

Toda vez que um negro agride um branco para pedir o fim do racismo, ele não fez do branco uma pessoa melhor e mais tolerante. Fez do cara um monstro oprimido que continua odiando o negro, só que agora tem vergonha de falar.

Adianta? É isso que chamamos de evolução?

É causando MEDO em homofobico que vamos incluir os gays? Ou refazendo a cultura que os exclui?

Eu não apoio Trump, não apoio Bolsonaro. Mas eu sou o típico cara que votaria nos dois só pra ir contra um Jean Willys. E pelo jeito so que me diferencia da maioria é que estou dizendo isso abertamente…

Sim, eu sei: “Volta a falar só de futebol, Rica!”. Afinal, se não te agrada, não presta. Mas eu não estou falando de política. Estou falando de gente. De comportamento. De ação e reação.

Porque de política, como 99% de vocês, eu não entendo nada.

abs,
RicaPerrone

Comentários