Home » Futebol » Campeonatos » Brasileirão » Acéfalo

Acéfalo

Captura de Tela 2015-05-10 às 20.38.36Houve um vencedor no Morumbi. E nem cabe muito avalia-lo além de parabenizar pelo resultado, afinal, sabemos, o time não é esse.  Mesmo com reservas o elenco do SPFC é suficiente para vencer o Flamengo.

Vamos então avaliar o Flamengo, que jogou com o que tem.  E não tem time pra cair, mas tem um dos times mais desequilibrados do país.

Nenhum jogador do Flamengo em campo hoje era capaz de pensar uma jogada. E mesmo se fosse, sozinho não se pensa jogadas trabalhadas.  É um time acéfalo da hora que toma a bola até o último passe, onde normalmente a jogada termina.

Todos os jogadores de frente do Flamengo são carregadores de bola. Portanto, toda vez que o Flamengo tem a bola ele olha pra frente e tenta fazer a ligação pra usar a única arma que tem: velocidade.

Quando o adversário não sai igual louco pra cima dele, não sobra quase nada. O time não pensa, apenas corre.

E aí você pode reclamar do Luxemburgo, como se ele pudesse fazer Mugni e Maia pararem pra pensar o jogo. Mas também são dois caras que correm com ela. Aliás, vou além: Montillo também corre com a bola. O alvo está errado.

Não adianta trazer “um camisa 10”.  O Flamengo não tem o 8 e nem o outro meia pra construir uma jogada. É preciso pelo menos dois jogadores capazes de criar alguma coisa. Que façam a bola correr.

Ou o Flamengo será o time mais previsível do campeonato. Não cai. Mas assim como seu meio campo, não fará nada que todos  já não estejam esperando.

abs,
RicaPerrone

Comentários