Home » Futebol » Clubes » Fluminense » A vítima beneficiada

A vítima beneficiada

Há uma confusão natural e bairrista quando se avalia uma polêmica do Brasileirão. Em 2009, quando todos disseram que o Flamengo se beneficiaria da falta de interesse do Corinthians, era apenas um chororô gaúcho.

Em 2010, quando os paulistas dizem que o Corinthians está sendo prejudicado, é chororô de paulista. Naturalmente, como em 2009, os “beneficiados” em questão ficam putinhos achando que estão desmerecendo o título.

Não é nada disso.

Tem que separar as coisas.

O Fluminense ganhou 6 pontos onde não era favorito. Em 2009, o Flamengo ganhou 3 pontos onde não era favorito. Ambos foram beneficiados com a situação, mas nenhum deles tem culpa disso.

Em nenhum dos casos o campeão deixa de ter méritos por isso. Mas, também, em nenhum dos casos, é inteligente ignorar o problema.

Aquele que hoje comemora e acha “normal”, amanhã vai reclamar. Vide a fiel torcida, que em 2009 riu e talvez por “troco”, agora deixará de ser campeão.

Vide a própria torcida do Flu, que ficou cheia de papo quando o Flamengo levou em 2009, e agora jura que “isso não muda nada”.

Na real é apenas uma amostra grátis daquele fanatismo cego de todo torcedor. Nenhuma novidade.

O buraco, pra mim, é mais embaixo.

Já cansei de falar da fórmula, não vou convencer ninguém. Os fatos estão aí e qualquer pessoa de bom senso não deve achar muito natural ver um título ser definido da forma que está sendo em 2010.

Registro, antes do choro organizado em 3 cores: Os 6 pontos do Flu sobre SP e Palmeiras, EM CONDIÇÕES NORMAIS. não eram previstos. SPFC e Palmeiras, em casa, são sempre favoritos contra quem for. Ao contrário dos pontos do Corinthians contra o Vasco, em casa, do Cruzeiro contra o Vasco, em casa, e do Flamengo contra o Grêmio, também em casa.

O que “piora” a situação de 2010 é que os jogos em questão não eram “possíveis” de ter outro placar. Eram, NA TEORIA, BEM PROVAVEIS de ter outro resultado.

Isso mancha o título do Fluminense?

Mancha sim. Tira os méritos? Não.

Mancha o título por ser do Flu? Não. E é aí que está a diferença entre o torcedor se achar perseguido e aprender a ler o que está escrito por ai.

Este final patético de Brasileirão MANCHA O BRASILEIRÃO. Não o Flu, o Corinthians, o Cruzeiro, quem for o campeão.

Eles apenas levam, por conseqüência, a certeza de que toda vez que citarem o campeão 2010 numa rodinha terá alguém pra dizer: “Massssssssss…..”.

Isso irrita qualquer torcedor. Por mais certeza que ele tenha de que não tem nada arrumado, ajudado, irregular…. irrita.

No final das contas,  o maior prejudicado será o campeão brasileiro, não o vice.

Seja Flu, Corinthians ou Cruzeiro, os três fizeram seu papel e não tiveram culpa nenhuma nessa situação.

Não podem, porém, reclamar. Afinal, assinaram o regulamento sabendo que estão no Brasil.

Se confirmado o caneco tricolor, os méritos são todos dele.

Inegável que com jogos de se lamentar no fim, mas, repito: Não é problema dele.

A maior vítima da palhaçada que está sendo o final do Brasileirão 2010 será o Fluminense, caso se confirme.

E o maior beneficiado com a palhaçada é, também, o Fluminense.

Só que ano que vem tem de novo. E aí, como já vemos neste ano, os que riram e disseram “não ter nada a ver” em 2009, hoje choram pelo mesmo motivo.

Vale a pena rir agora pra chorar depois?

É isso que tem que ser discutido. E não um bando de torcedor defendendo seu clube de ser “ajudado” e outro bando acusando o campeão de ter sido “ajudado”.

Mudam as camisas. A palhaçada vai continuar a mesma.

Pra todos.

abs,
RicaPerrone